Tardígrado: FLAWLESS VICTORY!!

Quem já jogou o game Mortal Kombat provavelmente já se deparou com um carinha com uma voz grotesca dizendo: Flawless Victory

Flawless Victory sinifica “Vitória Invicta”. Ou seja, quando seu personagem no jogo vence o adversário sem levar nenhum golpe. Tá, mas o que isso tem a ver com os Tardígrados.

Bem, se associarmos isso ao mundo animal, podemos nomear várias espécies que dão um show em matéria de brutalidade e sobrevivência. As baratas são um exemplo de ambos, pois são brutais o suficiente para causar pânico, asco, repulsa, nojo extremo, a qualquer indivíduo que não simpatize com elas. E se ela começa a voar, meu caro, esqueça qualquer senso ético, pois as pessoas com fobia de baratas são capazes de jogar sua própria mãe no caminho desse ser horrendo e asqueroso. São exemplos de sobrevivência também. As baratas tem um corpo projetado para a sobrevivência. Mas isso podemos relatar em outro post, porque esse aqui está ficando nojento demais!! Porém, um fato sobre as baratas é o boato que rola de que elas sobreviveriam a um ataque nuclear. É MENTIRA. Elas toleram uma carga super baixa de radiação, ao contrario de alguns besouros, musgos e bactérias.

Pois bem, constatamos a falha nas baratas. É nesse ponto que apresentamos o Tardígrado, o indivíduo mais extremo do mundo.

Também chamado de urso d’água (que bonitinho), o Tardígrado é um exemplo de superação. Com um corpo coberto de quitina e de apenas 1,25 mm, esses pequeninos habitam musgos e líquens e se distribuem por todo o planeta. Fazem parte de sua dieta o conteúdo celular de bactérias e algas (R.I.P).  Mas o que faz desse ser um fantástico fenômeno biológico?

Vamos começar pela Longevidade:
Tardígrados vivem, tranquilamente, por 120 anos. Como? Acontece que eles tem um sistema, como se fosse, de liga-desliga, chamado de criptobiose. Ao encontrarem ambientes extremos, como extrema secura, eles simplesmente suspendem suas atividades e adormecem, voltando à vida com apenas uma borrifada de água. Impressionante?

Sistema de reparos
Os tardígrados possuem um sistema de reparo de DNA muito semelhante ao nosso. Reparam o DNA atingido por descargas de radiação. Ao contrário do nosso, o DNA deles aguenta muito mais radiação e, ainda assim, repara perfeitamente as partes danificadas.

Temperatura
Esses pequenos ursinhos são capazes de suportar imersões em temperaturas que alcançam os 200ºC. Experimentos mostraram que esses indivíduos resistem à temperatura de 0º absoluto, ou seja, -273ºC. Não satisfeitos, os pesquisadores congelaram alguns deles, a -271ºC, e depois os descongelaram. O que aconteceu? Claro que eles se reanimaram, nadando felizes pelas placas de Petri. Não se esperaria que nenhum animal voltasse à vida depois de uma experiência como essa. Mas acho que ainda não convenci você, caro leitor.

Pressão
Essas coisinhas rechonchudas suportam a pressão de 75 mil atmosferas. É quase dez vezes a pressão que os animais das zonas abissais dos oceanos suportam. Se achou pouco, tente mergulhar em grandes profundidades e veja o peso da Terra sobre sua cabeça!!

Radiação
Diferente das baratas, esse nosso valente bichinho suporta cargas altíssimas de radiação. Os seres humanos, se forem submetidos a uma radiação de 100 grays terão seu sistema nervoso completamente comprometido, causando a morte. Esses carinhas suportam nada menos do que 5700 grays de radiação. E continuam serelepes, destroçando bactérias para comer seu precioso conteúdo celular.

Espaço
A agência Espacial Européia despachou esses seres para o espaço, em uma cápsula espacial, por 10 dias. Imagine você, vivendo por 10 segundos no vácuo! Lá, eles sofreram um bombardeio de raios ultravioletas 100 mil vezes mais intenso do que os que recebemos aqui na Terra, radiação cósmica e ausência de oxigênio. O que eles fizeram? Se REPRODUZIRAM!!

Imagem

Não, caro leitor, não é um alien, tampouco o predador. Ele existe e pode estar mais próximo de você do que você imagina!

Bem, acho que os convenci do poder de sobrevivência do Tardígrado, o que o torna, até então, o único terráqueo a sobreviver ao vácuo e ao zero absoluto!

Sem mais, esse é o maior exemplo de FLAWLESS VICTORY do nosso mundo real!!

Imagem

Leia mais em Jornal Ciência e em Mistérios do Mundo

Sobre Anita Burgan

Anita Burgan é uma bióloga que continua a cada dia mais fascinada com esse mundo que nos cerca. Gosta de escrever sobre aquilo que lê diariamente, principalmente assuntos relacionados à biologia e ao meio ambiente. Fã de uma generosa caneca de café (misturado com água, [estranho hábito que seus amigos reprovam]), de bons livros e de conversas aleatórias. Possui peculiaridades, como medo de louva-a-deus, adoração por pipoca com chocolate, além da capacidade de imitar a Marília Gabriela!

Publicado em maio 27, 2013, em Funny Time e marcado como , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: